Páginas

6 danos colaterais do aeromodelismo

          


           Aeromodelismo mata?

            Sim, mata mesmo. Ele nos mata de angustia de voar durante a semana, enquanto trabalhamos ou estudamos. Ele nos mata de ansiedade, por que a carga da bateria é sempre mais lenta que a nossa vontade. Podemos morrer, também, de saudade dos amigos, com quem repartimos nosso final de semana. Cuidado, aeromodelismo mata.


            Aeromodelismo vicia?

            Sim, a exposição prolongada ao vírus “aerococus” pode levar o paciente a necessitar de mais e mais modelos disponíveis no hangar. Conheço muitos que começaram com um stickinho, e hoje têm um verdadeiro esquadrão em sua casa. Em sua forma mais grave, o vírus induz o modelista a dedicar um cômodo da sua casa exclusivamente para os aeromodelos, além de sugar o seu salário com novas peças. Muitos não conseguem ficar mais que 15 dias longe de uma pista de aeromodelo.


            Aeromodelismo causa dependência psicológica?

            Como disse Da Vinci, “Uma vez que você tenha experimentado voar, você andará pela terra com seus olhos voltados para céu, pois lá você esteve e para lá você desejará voltar”. Pesquisas recentes comprovam: 95% dos aeromodelistas pensam pelo menos uma vez ao dia em aviões e 60% acordam e dormem pensando em seus modelos. Muita cautela ao experimentar essa sensação, pois é um caminho sem volta. São muitos os casos de aeromodelistas que passam toda à tarde de trabalho vendo vídeos no You Tube.


            Aeromodelismo prejudica o rendimento escolar e profissional?

            Pelo contrário, ajuda. Principalmente nas aulas de física, eu mesmo já fiz várias apresentações na escola de como um avião voa, além disso, é interessante fazer um voo de demonstração na quadra para comprovar a teoria. Vantajoso ou não? É possível também transformar o hobby em carreira. Seguindo na área de: piloto comercial, engenharia aeronáutica ou abrindo sua própria loja do ramo.


            Aeromodelismo engorda?

            Depende do nível do piloto. Nível de habilidade e não alcoólico... Caso o piloto seja bom, é muito provável que ele esteja acima do peso, mas se o piloto for ruim, pode ter certeza que ele é magro. Vou explicar: Piloto ruim derruba bastante o aeromodelo, é só quem entrou no mato sabe quantas calorias são necessárias para recuperar o seu pássaro perdido. Já os pilotos bons trazem o avião até o pé, por isso não gastam sua energia.


            Aeromodelismo reduz a memória?

            Sem dúvida é muito prejudicial à memória. Esquecemos a hora de voltar para casa, se enchemos o tanque com glow ou não, há os que esquecem rádio e ni-starter na pista. Mas a falha principal na memória se dá na região dos preços pagos pelas peças e aeromodelos. Quando a esposa pergunta quanto custou, o aeromodelista, inocentemente, responde de 20 a 50% do valor real. Alguns cientistas já suspeitam que esse efeito seja causado pelo vírus “rabuspresus”.


             Observação 1: Esse texto não apresenta dados reais e tem como objetivo satirizar algumas situações reais da vida de aeromodelista.



           Quer ser avisado de todas as nossas postagens? Cadastre seu e-mail aqui.


            O que achou? Alguns desses efeitos já aconteceram com você? Conte-nos sua experiência.


6 comentários:

  1. uhahuahuahuauh...muito bom!!!

    ResponderExcluir
  2. PQP jo estou com esse aerococos pois meu ap virou hangar de belos modelo pelo menos sei que é doenças ka kakaka kakakaka kakakaka kakaka

    ResponderExcluir
  3. Muito bom o texto (rsrsrs). Rapaaa, não é só na pista que encontramos os amigos. Olha lá a Ivania. Cadê o Farina, Ivania ?

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...